Mãe confessa que tirou a vida da própria filha de 11 anos e detalhes chocantes são expostos

Mãe confessa que tirou a vida da própria filha de 11 anos e detalhes chocantes são expostos

Um verdadeiro caso de localidade está chocando moradores de uma pequena cidade no interior do Vale do Itajaí em Santa Catarina. A cidade de Timbó é bastante pequena e no último dia 14 se tornou um dos assuntos mais comentados no Brasil diante de uma brutalidade.

Isso porque os socorristas foram acionados para atender uma ocorrência na casa de uma menina de apenas 11 anos, que ao chegar no local eles constataram que a garota estava com alguns sinais de violência e no caminho para o hospital ela acabou não resistindo aos ferimentos.

Advertisement
Advertisement

Luna de apenas 11 anos, com vivia com a sua mãe e o seu padrasto é uma casa bastante simples na cidade de Timbó. Durante a madrugada do dia 14 a equipe de socorrista foi acionada até o local e chegando lá se deparou com a versão da mãe e do padrasto alegando que a garota havia caído de uma escada, e que isso teria levado ela ao óbito.

Mas devido as circunstâncias e as marcas de violência no corpo da pequena, a polícia foi acionada e a perícia acabou constatando algo que chocou bastante a todos. Isso porque a necrópsia acabou constatando violências no corpo da garota, chegando à conclusão da participação da mãe e do padrasto nesse crime.

Advertisement

Durante o depoimento a mãe da garota acabou confessando os policiais que ela acabou cometendo um crime contra a própria filha, onde agrediu ela por diversas vezes devido a alegação de que a menina estava tendo uma vida sexualmente ativa, fato que é desconhecido até o momento para polícia.

A mãe da menina e o padrasto segue em presos nesse crime que chocou a todos e os detalhes que foram revelados durante as investigações, tem causado uma grande revolta nas redes sociais e nos moradores da pequena cidade que fica no Vale do Itajaí em Santa Catarina.

Advertisement

 

Advertisement

admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *