Eliza Samudio, volta dos mortos, em carta revela detalhes do crime e entrega paradeiro de seu corpo, diz sensitiva

Eliza Samudio, volta dos mortos, em carta revela detalhes do crime e entrega paradeiro de seu corpo, diz sensitiva

No dia 10 de junho de 2010, a modelo Eliza Samudio, foi assassinada a mando do goleiro Bruno Fernandes, segundo a polícia o crime foi cometido na cidade de Vespasiano, localizada na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Eliza Samudio, foi namorada do goleiro Bruno, com quem teve um filho, teria sido por causa dos valores da pensão alimentícia que o assassinato teria sido encomendado. O corpo da modelo nunca foi encontrado, os acusados e condenados pelo crime jamais revelaram onde ele foi deixado.

Advertisement
Advertisement

Segundo as apurações realizadas pela polícia, Elisa Samudio teria sido atraída para Minas Gerais com a promessa de que o goleiro Bruno que na época jogava no Flamengo e estava no auge da sua carreira, iria reconhecer a paternidade de Bruninho e acertar o valor da pensão do filho.

Ainda grávida, Eliza Samudio procurou a polícia no Rio de Janeiro e formalizou uma denúncia contra Bruno, o jogador teria a ameaçado de morte caso ela não fizesse um aborto.,

Advertisement

Entretanto, após tanto tempo, a vidente dos famosos conhecida como Leni Sensitiva, afirmou que recebeu uma mensagem de Elisa Samudio através de uma carta psicografada, onde ela supostamente teria dado detalhes de como foi assassinada e o que fizeram com seu corpo.

Segundo Leni Sensitiva, na carta Elisa Samudio esclareceu o que a polícia não conseguiu decifrar e afirmou que o corpo da modelo nunca será encontrado confira:

Advertisement

“Quando ela desencarnou foi muito assustador para ela. Não conseguia entender o que estava acontecendo. Primeiro ele sufocou ela, depois cortou partes de seu corpo e depois ele jogou soda cáustica. É por isso que o corpo dela nunca será encontrado, pois, o corpo dela foi todo derretido. Não tem nenhum vestígio”, disse a sensitiva.

Advertisement

admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *