Jairinho detalha em carta como foram os últimos momentos de vida de Henry Borel

Jairinho detalha em carta como foram os últimos momentos de vida de Henry Borel

O caso do menino Henry Borel comoveu o país. A mãe de Henry e o padrasto estão sendo acusados pela morte do garoto. O ex-vereador está preso no Bangu 8, no Rio de Janeiro, por cerca de 9 meses.

Henry Borel tinha apenas 4 anos quando foi covardemente assassinado. Desde que foi acusado, Jairinho se manteve em silêncio. Essa é a primeira vez que o acusado concede sua versão em relação as acusações que estão sendo feitas contra ele que se referem a homicídio e tortura. A carta foi enviada exclusivamente para o portal UOL.

Advertisement
Advertisement

De acordo com o artigo escrito pelo UOL, o texto escrito pelo ex-vereador foi escrito a mão e está trazendo detalhes dos últimos momentos com Henry. Na carta, Jairinho está confrontando a investigação policial. Na carta endereçada ao UOL, ao que tudo indica, ele afirma que Monique Medeiros, mãe da vítima, nunca o teria acusado pela morte do menino.

O ex-vereador mantém a postura de se declarar inocente. A carta está completamente alinhada com a estratégia de defesa que está sendo utilizada para tentar provar sua inocência. Em vários trechos da carta o acusado faz questão de repetir que jamais teria agredido o menino Henry Borel.

Advertisement

Entretanto, ainda de acordo com o artigo publicado pelo UOL, os laudos feitos por peritos apontam que o menino tinha 23 lesões espalhadas pelo corpo. Ainda foi confirmado que uma laceração no fígado, causada por agressão, provocou uma hemorragia que culminou na morte do pequeno.

No título da carta diz: “Grito de um Inocente”. Ainda durante a carta, o ex-vereador diz que está sofrendo uma “via crucis”. Também diz que tratava o seu enteado de forma generosa e tinha por ele muito carinho.

Advertisement

O UOL publicou trechos da carta que você pode conferir abaixo:

Advertisement

Advertisement

 

Advertisement

admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *